Educadora FM

Com versão de Elton John e demos inéditas, David Bowie ganha novo álbum de raridades

Publicado em 05/07/2019 10:22

A gente sabe que a obra de David Bowie é monstruosa tanto em termos de criatividade, quanto em tamanho. Em 2019, por exemplo, o clássico álbum Space Oddity completa seus 50 anos de existência e, para comemorar, a Warner Music resolveu resgatar uma série de gravações feitas pelo camaleão do rock ao vivo no álbum “The ‘Mercury’ Demos”. Registradas ao vivo em 1969 em uma só tomada, as canções são fruto de uma parceria do astro com o músico John Hutch Hutchinson, que o acompanha em guitarra e vocais. O disco não surgiu sem propósito. Àquela ocasião, Bowie e Hutch se preparavam para uma série de shows como dupla, encomendada então pelo produtor da Mercury Records, Calvin Mark Lee. Composto por dez faixas, o material traz uma série de raridades que envolvem além de uma versão especial de “Space Oddity”, que surge apresentada em seu verdadeiro contexto pela primeira vez, uma rara composição de Roger Bunn, “Life is a Circus”, e uma versão de “Love Song”, canção que anos mais tarde ficaria famosa na voz de Elton John. Ouça: Recentemente, o cantor, falecido em 2016 vítima de um câncer, também teve seu show no festival de Glastonbury, uma de suas apresentações mais lendárias, remasterizado. Disponível tanto em áudio, a apresentação reúne uma série de clássicos como “Let’s Dance, “Life on Mars?” e “Under Pressure”. Fonte/Reprodução: Papel Pop